Facilities: como os serviços ajudam a otimizar a manutenção de condomínios

Harmonia, limpeza e organização são peças fundamentais em um condomínio.

Com estruturas cada vez mais amplas e sofisticadas, nos últimos anos a procura por empresas especializadas em serviços de facilities acabou virando tendência, especialmente em grandes condomínios.


O que são facilities?

 

Facilities corresponde a um conjunto de serviços especializados que envolvem diversas atividades que visam manter a organização, limpeza e manutenção de um determinado local.

Um condomínio pode contratar a prestadora de serviços para o conjunto de atividades ou apenas alguns serviços específicos, conforme a necessidade.

 

Quais as vantagens do serviço de facilities para um condomínio?

 

Uma das vantagens é a possibilidade de criar um projeto personalizado junto à empresa contratada.  Assim, o condomínio acaba reduzindo custos com as despesas de serviços, optando somente pelo necessário, sem deixar de receber um serviço de qualidade.

É comum que síndicos e gestores de condomínios encontrem dificuldades na hora de selecionar os profissionais mais adequados.

Contar com uma empresa que trabalhe especificamente para treinar e qualificar profissionais para fazer os serviços de facilities resulta em economia de tempo no processo e oferece mais tranquilidade ao síndico e gestores de condomínios.

A economia de tempo também se dá na execução do trabalho. Profissionais qualificados e treinados executam as tarefas de forma planejada e o trabalho acaba fluindo melhor.

Além de cuidar da segurança de condomínios, a STV também oferece soluções em facilities.
Entre os serviços oferecidos estão: limpeza e higienização, zeladoria, jardinagem, manutenção predial e serviços gerais.

Saiba mais sobre os serviços de facilities da STV e agende uma visita gratuita.

Voz do Síndico: a relação do síndico com a STV Segurança

 

Atenção, conhecimento e responsabilidade são algumas das características essenciais para que um síndico consiga realizar uma gestão eficaz em um condomínio.

No segundo depoimento da Quinzena do Síndico STV, trazemos os relatos da síndica profissional Mara Lúcia Lopes Fernandes.

Mara é síndica do condomínio Fit Cristal, cliente da STV Segurança na Zona Sul de Porto Alegre e nos falou de sua relação com a empresa. Confira:

 

Mara Lúcia Lopes Fernandes (síndica). Foto: STV/Agência Euro.

 

Sem a menor sombra de dúvidas, uma das dores de cabeça mais frequentes do síndico está diretamente relacionada ao controle de acesso nos condomínios tanto de pedestres quanto de veículos.

Em razão disto, é fundamental que busquemos uma empresa que faça parte da solução e não dos problemas. Que  esteja disposta a construir com o síndico uma estrutura de processos e procedimentos adequados ao perfil daquela comunidade, sem desprender o olhar da segurança.

Conheço a STV Segurança mais de perto há três ou quatros anos e neste período posso afiançar que meus dias como síndica e, que também, a rotina do condomínio tem estado bem mais tranquila tendo em vista a proximidade da relação e o fato de eu poder sinalizar quando temos problema e a disponibilidade da STV em buscar as soluções.

Sinto com esta postura que o problema não é meu e sim, nosso, o que torna a condução bem menos difícil.

No tempo em que estamos com a STV no condomínio já houve várias situações desde corriqueiras e rotineiras até algumas mais complexas que envolveram ações rápidas e decisões difíceis. Em cada uma delas foi possível contar com o profissionalismo dos que estavam envolvidos.

Mas quero destacar não um fato, mas uma postura que me traz a certeza de ter feito a escolha certa e a postura é a da fidelidade, a do “estamos juntos” para o que for necessário no sentido de tornar a vida em condomínio mais tranquila e harmônica.

Muito obrigado por compartilhar suas experiências conosco, Mara, e parabéns pela dedicação e seriedade com a qual desempenhas a profissão de síndica. Sabemos que desafios existem e é por isso que trabalhamos muito para prestar um serviço de qualidade e, juntos, cuidar da segurança de todo o condomínio.

Voz do Síndico: a relação do síndico com a STV Segurança

Rafael Florentino (STV Segurança) com André Borin Beretta, síndico do Condomínio Parque Iguaçu.

 

O papel do síndico é fundamental para o bom andamento de um condomínio.

Dando sequência a Quinzena do Síndico, conversamos com síndicos de condomínios atendidos pela STV Segurança em Porto Alegre para falar um pouco sobre o seu trabalho e a relação com a STV.

Confira o depoimento de André Borin Beretta, síndico do Condomínio Parque Iguaçu:

A STV, sem dúvida, está entre as maiores empresas de segurança patrimonial do Estado, conferindo uma maior sensação de segurança com profissionais abdicados em atender seus contratados de forma satisfatória.

Uma demonstração de nossa parceria com a STV foi a implantação do controle de acesso no Condomínio juntamente com a empresa Movitek.

 

O Condomínio Parque Iguaçu é cliente da STV há mais de 11 anos. Para proteger o local, que possui mais de 300 casas, trabalhamos com três postos 24 horas e uma equipe completa para atender condôminos e visitantes.

Sabemos que desafios existem, tanto para o condomínio como para a empresa, e nossa missão é trabalhar sempre na melhoria de processos para fortalecer ainda mais nossas relações com cada cliente.

Para nós é muito importante receber feedbacks, especialmente vindo de clientes de longa data. Isso nos motiva a seguir trabalhando sempre para melhorar e oferecer um trabalho com excelência.

Agradecemos ao síndico André por nos receber e relatar um pouco da sua rotina como síndico e a relação com a STV Segurança.

Dicas de segurança em condomínios para síndicos

Além da privacidade, a busca por mais segurança é um dos principais motivadores na hora de optar por morar em condomínios fechados. Um dos deveres do síndico responsável pela gestão do condomínio é justamente avaliar com atenção qual a melhor estratégia para manter o ambiente protegido e livre de ameaças.

Confira 8 dicas de segurança em condomínios para síndicos

1. Leis condominiais, normas de segurança e responsabilidades

Na legislação brasileira há uma série leis condominiais que devem ser respeitadas. É dever do síndico conhecer e entender quais as leis.

Também é preciso saber quais são as suas responsabilidades como gestor, além de conhecer as normas de segurança do condomínio.

Se o condomínio ainda não tiver suas próprias normas instituídas cabe ao síndico desenvolver junto ao conselho formado por moradores.

3. Cadastro de moradores atualizado

O síndico deve ter acesso ao cadastro atualizado de todos os condôminos com informações básicas como: nome e número de moradores por apartamento/casa, contatos de emergência e veículos;

4. Conhecer as dependências e do condomínio

É importante conhecer todas as dependências do condomínio (área interna e externa)  e a própria rua/bairro e  rua/bairro do condomínio para saber de possíveis riscos, ocorrências e se antecipar na prevenção;

5. Informar e conscientizar

Fazer um trabalho contínuo de conscientização sobre segurança com moradores  e funcionários do condomínio orientando sobre a importância de seguir as normas e cuidados básicos de segurança que podem contribuir para manter a segurança de todos;

6. Mantenha-se atualizado

Nas reuniões de condomínio, levar informações atualizadas sobre segurança e incentivar os condôminos para que contribuam com sugestões.

É importante conscientizar os moradores que a sua contribuição e participação em reuniões é sempre importante.

7. Controle quem entra e sai do condomínio

Recomendamos o uso de um sistema de controle de acesso monitorado que, de forma prática, controla o fluxo de moradores e visitantes do condomínio, permitindo acesso somente de pessoas autorizadas.

O uso do controle facilita a vida tanto de quem administra o condomínio, como dos moradores ou visitantes já que dispensa o uso de chaves.

8. Invista em segurança 

O uso de equipamentos de segurança eletrônica é indispensável. São eles que, de forma integrada, são responsáveis por monitorar e prevenir o condomínio de ameaças e vulnerabilidades.

Quando, além de segurança eletrônica, também é contratado serviço de portaria ou vigilância, os dispositivos de segurança servem como importante apoio no trabalho destes profissionais.

A contratação de equipamentos e serviços de segurança é uma das responsabilidades do síndico que, junto aos moradores, irá definir qual a melhor solução para o condomínio.

No site da STV você pode conferir o pacote completo de soluções em segurança para atender a necessidade específica de segurança de cada condomínio.

Acesse e  solicite contato com a unidade da STV mais próxima: www.stv.com.br/serviços

A importância de um projeto de segurança personalizado para condomínios

 

Ao realizar a busca no mercado por uma empresa de segurança para o condomínio, é importante avaliar o leque de serviços oferecidos pela mesma.

Quando se opta por uma empresa que trabalha apenas com um tipo de serviço específico, seja para portaria presencial ou portaria remota, o diagnóstico pode ficar mais limitado e existe o risco de aquela solução não ser a mais adequada para suprir as necessidades de proteção do local.

A dica é sempre dar preferência a empresas que ofereçam soluções completas e personalizáveis para que seja elaborado um projeto de segurança de acordo com a real necessidade de segurança do condomínio.

Um bom projeto de segurança começa com uma análise de riscos e diagnóstico.

Esta é a fase inicial em que, junto ao cliente, o consultor especializado em segurança identifica e faz a verificação dos pontos críticos, ameaças e vulnerabilidades que possam causar danos ao condomínio e aos moradores.

É importante ouvir o cliente e, com ele, montar uma estratégia de segurança para que seja criado um projeto de segurança que busque ajudar a reduzir ou eliminar todos os riscos apontados.

Indivíduos com más intenções muitas vezes possuem métodos para acessar locais que fogem do padrão. Por isso, é importante fazer uma análise minuciosa do local, mapeando itens e informações consideradas importantes na criação do projeto.

Faz parte do mapeamento a análise da infraestrutura, localização do imóvel, rotinas de entrada e saída dos moradores, sistemas de segurança instalados anteriormente, possibilidades de sabotagem, invasão, furto, roubos e outros.

Elaborar um projeto de segurança significa contribuir para a solução de um problema, transformando ideias em ações planejadas e executadas de acordo com os requisitos preestabelecidos.

Por isso, na hora de contratar uma empresa para cuidar da segurança do condomínio, procure dar preferência para uma prestadora de serviços que trabalhe com projetos de segurança personalizados, sempre voltados para o melhor custo-benefício.

A STV Segurança atua há mais de 40 anos no ramo oferecendo soluções completas e personalizadas em segurança para condomínios residenciais e comerciais.

Conheça nossos serviços e entre em contato com um de nossos consultores para agendar uma visita.