Coleta seletiva em condomínios residenciais

 

A coleta seletiva é um processo que deve ser constantemente incentivado e aplicado no dia a dia para ajudar na diminuição da poluição e do proliferação de pragas provenientes do descarte incorreto de lixo de casas, empresas e condomínios.

Por ter um fluxo intenso de pessoas, os condomínios produzem lixo em grande escala e, por isso, é importante aplicar o sistema de coleta seletiva. 

A cooperação dos condôminos é fundamental para que o sistema de coleta seletiva funcione adequadamente no condomínio e, por isso, é importante seguir algumas dicas:

  • Conscientizar os moradores do quão importante é a colaboração de todos para que a coleta seletiva seja funcione;
  • Organizar uma reunião de condomínio com os síndicos para explicar o porquê da implantação;
  • Verificar o melhor espaço para a implantação das lixeiras;
  • Escolher uma empresa de qualidade para ajudar nesse processo;
  • Comprar lixeiras coloridas, assim os moradores saberão em qual despejar o lixo de forma correta;
  • Criar informativo listando qual o tipo de material será coletado no condomínio e os cuidados na separação do lixo;
  • Afixar placas de sinalização no condomínio informando os dias de coleta.

Ao seguir todas as dicas listadas acima, a coleta seletiva deve ocorrer de forma tranquila, organizada e o condomínio estará fazendo a sua parte na preservação do meio ambiente. 

A diferença entre limpeza e higienização

 

Um ambiente limpo e higienizado melhora a qualidade de vida tanto em casa como no trabalho protegendo contra inimigos invisíveis como ácaros, fungos e pragas. Entenda como funcionam os processos de limpeza e higienização:

Limpeza

Processo que utiliza a água como sua maior aliada, acompanhada ou não de produtos de limpeza como detergente e desinfetantes. É um procedimento realizado para remover sujeiras, poeira e resíduos de alimentos.

A limpeza é indispensável para a execução da higienização do local, é a etapa que prepara o ambiente removendo toda a sujeira visível e deixando pronto para o processo de higienização.

Higienização

A higienização é responsável pela eliminação dos micro-organismos vivos, que são os maiores causadores de doenças respiratórias, alérgicas e digestivas. Para que o processo seja feito de forma eficaz, é necessário que o ambiente tenha passado por uma boa limpeza.

A higienização passa por alguns níveis que identificam qual procedimento é mais indicado:

Nível Baixo –  são aniquiladas bactérias e fungos que vivem em seu objeto de forma vegetativa, porém não são eliminados esporos bacterianos, camada responsável por proteger a bactéria, impedindo e bloqueando que agentes químicos da higienização ajam corretamente;

Nível médio – possibilita a retirada de fungos e bactérias. Para essa higienização é recomendável álcool etílico 70%;

Nível alto – quando a higienização atinge e elimina a maioria dos fungos e bactérias, deixando fora apenas alguns vírus lentos e umas bactérias mais resistentes, que são causadoras de doenças.

Para uma desinfecção desse nível recomenda-se uma limpeza e higienização profissional. O serviço de limpeza profissional da STV oferece limpeza e higienização profissional para empresas e condomínios.

Para mais informações e orçamento, acesse o site: http://www.limplimpeza.com.br


Texto: Alessandra Machado
Edição e publicação: Vanessa Thalheimer

A importância da coleta seletiva de lixo para o meio ambiente

A coleta seletiva de lixo é a ação de separar os resíduos e materiais que podem ser reciclados dos que devem ser diretamente descartados de forma que não prejudiquem o meio ambiente.

A preocupação com a sustentabilidade já faz parte da vida e rotina de muitas pessoas e organizações. Separar o lixo corretamente é uma das práticas que, além de contribuir para preservação do meio ambiente, também acaba trazendo diversos benefícios como:

  • Desaceleração do desmatamento e a retirada de recursos naturais;
  • Redução de epidemias de ratos e baratas em espaços urbanos;
  • Diminuição da poluição das ruas e calçadas;
  • Mais empregos na área da reciclagem;
  • Auxilia na proteção de animais marinhos e de paraísos tropicais;
  • Redução dos risco de enchentes ocasionadas devido ao acúmulo de lixo nos bueiros.


Mas o que pode ser considerado lixo reciclável?

Os materiais recicláveis podem ser formados por papel (caixas de papelão, folhas, jornais, revistas), vidros, tecidos, plásticos (garrafas pet, sacolas, embalagens), metais (latas de alumínio, tampas, pregos) e resíduos orgânicos (restos de comida de origem animal ou vegetal).

Como identificar a cor de lixeira para descarte de cada resíduo ou material específico?

Cada resíduo ou material tem uma cor de lixeira para depositar o lixo. Muitas pessoas ainda têm dúvidas sobre lixeira utilizar. Abaixo, descrevemos as cores das lixeiras e quais os produtos devem ser descartados em cada uma delas:

  • Amarela: objetos de metal;
  • Azul: papel e papelão;
  • Branca: descarte de resíduos médicos;
  • Cinza: resíduos que não podem ser reciclados;
  • Laranja: pode apresentar perigo a saúde;
  • Marrom: resíduos orgânicos;
  • Roxo: material radioativo;
  • Verde: vidros;
  • Vermelha: plásticos.

Separar o lixo em sua residência, na empresa ou no condomínio é um ato simples que contribui com a preservação com o meio ambiente. Para você fazer a sua parte fique atento aos dias de coletas do seu bairro (a informação pode ser obtida através do site da Prefeitura de sua cidade).

A importância da reserva técnica de efetivo para a empresa de limpeza

 

Para que a alta demanda de trabalho das empresas de limpeza não seja prejudicada, deixando clientes sem atendimento, as corporações contam com o chamado serviço de reserva técnica.

O termo reserva técnica ou equipe reserva tem como definição: um grupo de funcionários da empresa que realizam possíveis substituições dos seus colegas ausentes em caso de faltas, férias ou atestado médico.

A empresa contratada tem como obrigação repor o efetivo ausente. Com isso, a reserva técnica é ativada e os funcionários que estão de sobreaviso são deslocados até o local que está necessitando dos seus serviços.

O que é sobreaviso?

Sobreaviso é quando a companhia comunica um grupo de funcionários que deverão cumprir o sobreaviso em um período definido pela empresa, assim o grupo saberá que a qualquer momento pode ser chamado para ajudar no efetivo, mesmo que não esteja mais em seu horário de trabalho habitual.

Tudo isso sem custo adicional para o contratante, pois é garantia do contrato que nenhum serviço será interrompido caso haja problemas com a equipe.

O serviço de limpeza profissional da STV inclui a reserva técnica de funcionários no projeto de limpeza tanto para condomínios como para empresas. É uma forma de trazer segurança para o cliente que não precisa ter a preocupação com o serviço caso seja necessária a substituição de algum funcionário efetiva ou temporariamente.

Acesse nosso site para saber mais sobre nossos serviços de facilities para condomínios e empresas.

Texto: Alessandra Machado 
Revisão: Vanessa Thalheimer

A importância de ter profissionais de limpeza treinados na sua empresa

  limpeza-profissional

 

O mesmo cuidado necessário na elaboração de um projeto de limpeza para uma empresa, também deve ser tomado na hora de contratar os profissionais de limpeza que serão encarregados pelo serviço.

Com um mercado cada vez mais exigente, as empresas estão investindo constantemente em treinamento e na capacitação dos seus profissionais, visando ajudar na execução e otimização do trabalho, proporcionando mais eficiência e agilidade na execução das tarefas. 

O serviço de limpeza profissional da STV conta com uma equipe de profissionais de limpeza treinados e capacitados para exercer com excelência as atividades de limpeza. A seleção é feita de acordo com o perfil de cada cliente.

As 5 etapas de preparação de uma equipe de limpeza profissional:

1. Recrutamento e seleção: a gestão de recursos humanos permite que ela recrute, selecione e treine os profissionais de acordo com o perfil de cada cliente, deixando aptos a exercerem suas atividades com qualidade, segurança e capacitação;

2. Integração: procedimentos e normas da empresa e do cliente;

3. Treinamento de grupo:

  • Segurança do Trabalho: EPI’s, doenças profissionais, CAT (Comunicação De Acidente de Trabalho), programa de controle médico e saúde ocupacional, programa de prevenção de riscos ambientais, primeiros socorros e HIV – AIDS;
  • Produtos químicos: PH (Potencial de Hidrogênio), uso correto dos produtos: detergente, desinfetante, removedores, polidores, cera, fibras;
  • Relações humanas: preconceito, higiene pessoal, uniformes, motivação, comunicação, uso correto do uniforme e sua conservação;
  • Educação ambiental e Reciclagem de lixo: meio ambiente, ecossistema, reciclagem de lixo: conhecer, conscientizar-se e mudar.

4. Treinamento em local de trabalho: os funcionários são instruídos para identificar os serviços de limpeza necessários para cada ambiente e, após esta primeira etapa, eles definem quais os equipamentos de limpeza adequados para a execução das atividades, além de formular planilhas de controle de serviços;

5. Acompanhamento e orientação: a avaliação da qualidade dos treinamentos é feita através de visitas periódicas pela monitora operacional, encarregada e supervisor. O resultado dessas avaliações irá definir o retreinamento com as pessoas específicas.

Ao término da capacitação, os funcionários recebem um certificado onde consta que todos os profissionais envolvidos estão aptos a trabalhar de maneira segura e consciente.

Os profissionais de limpeza que recebem os certificados passam a ser vistos como agentes de saúdes aptos a entregar, da melhor forma, soluções de limpeza e higienização para a empresa ou condomínio.

Acesse nosso site para saber mais sobre nossos serviços de facilities para condomínios e empresas.