Câmeras viram aliadas na luta contra a criminalidade

Foto: Estefânia Martins

Apesar da STV já trabalhar a anos com câmeras de vigilância, e ser sempre pioneira em termos de inovações tecnológica, somente agora a mídia tem trazido para debate seu papel fundamental na prevenção e coação à criminalidade como um todo. Para quem não sabe, foi através das imagens gravadas nas ruas em Boston, EUA, que se chegou aos suspeitos de colocarem uma bomba durante uma maratona em abril deste ano (leia aqui).

Uma das linhas de câmeras mais vendidas pela empresa possui como grande diferencial o fato de poder ser aplicada tanto em áreas externas quanto internas, conforme necessidade do cliente. Ou seja, mantêm-se a qualidade da imagem independente da incidência ou não de luminosidade no espaço. Isso permite visualizar de forma clara o ambiente como um todo, além de detectar faces e detalhes com maior nitidez. Nós não iremos, claro, pontuar todas as funcionalidades desse produto, mas você pode saber mais ligando para uma de nossas unidades (veja aqui).

Voltando ao assunto, o Globo Repórter, aproveitando o gancho, fez um programa especial que apresenta pontos positivos e negativos desse boom das câmeras cuja chamada principal é: “Você já pensou que pode estar sendo filmado neste exato momento?”. Nós fizemos um resumo dos quatro blocos do programa que foi ao ar dia 19 de abril, porém queremos destacar somente dois deles. No 2º bloco, o case apresentado é da cidade de Canoas (RS), cujo bairro Guajuviras já foi considerado a Bagdá brasileira devido à insegurança. O local foi escolhido para testar um sistema inédito de segurança, antes visto somente nos Estados Unidos. Como não é possível visualizar todas as câmeras ao mesmo tempo, os sensores captam quando há disparo de arma de fogo e a informação é enviada à central em somente 20 segundos. Conforme estimativa, desde que iniciou o trabalho já houve redução de 53% nos homicídios nessa região.

Já o 3ª bloco mostra que em SP há mais de 1 milhão de câmeras instaladas, sendo que há locais em que o crime reduziu em 20%. É exemplificado o funcionamento de alguns dos atuais sistemas, em que os donos de estabelecimentos podem conferir em tempo real via celular ou computador as imagens do local.

Se tiver interesse em ver o programa na íntegra, clique aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *